×
Paulo Eduardo Nunes Campelo - Doctoralia.com.br

Blog

Muitas mulheres me procuram para realizar o sonho da maternidade.

 

Algumas, pois realmente não conseguem engravidar devido a obesidade, outras que já passaram por uma gravidez de risco com o quadro da obesidade instalada e com comorbidades.


✔️Recomendo que se você sofre de obesidade e pretende engravidar, faça uma ampla manutenção do corpo antes de entrar no processo da gestação.


✔️Após avaliação e indicação do ginecologista assistente, diante dos riscos impostos à futura gestante e ao bebê pela obesidade, deve-se cogitar a cirurgia bariátrica antes.


✔️Com a perda de peso, induzida pela cirurgia, observa-se aumento da fertilidade. Além de que à redução do peso diminui o risco de doença hipertensiva da gravidez, diabetes gestacional e complicações durante o parto em geral.


Entretanto, o corpo precisa de um tempo para a recuperação entre a cirurgia e a gravidez, sendo necessária a correção de eventuais alterações nutricionais pós-operatórias.


✔️Dessa forma, com as taxas metabólicas corporais controladas, há uma maior garantia de que a gestação será tranquila para você e para seu bebê.


✔️Essencial será o intervalo de pelo menos 18 meses entre a cirurgia bariátrica e a gestação.


Se você teve gestação depois da bariátrica, me conta como foi?